Tecnologias para pecuária de precisão
+55 (55) 3226-4825
chipinside@chipinside.com.br

Embrapa cria tecnologia que mede condição corporal do rebanho

Luiz Pfeifer Foto Rafel Rocha 1 1

Embrapa cria tecnologia que mede condição corporal do rebanho

Pequenos produtores de leite, que dificilmente têm acesso a tecnologias de ponta para o monitoramento das condições corporais do rebanho, agora têm a oportunidade de utilizar um novo instrumento criado com a finalidade de medir de forma fácil e segura o ganho ou perda diária de peso dos animais. Desenvolvido pela Embrapa de Rondônia, a ferramenta, chamada de Vetscore, foi inspirada no goniômetro, instrumento circular com 180 ou 360 graus empregado para medir ângulos.

O dispositivo criado pela Embrapa é composto de duas réguas articuladas que formam angulações de até 180 graus, ideais para medir o escore corporal do gado. “A tecnologia favorece principalmente os pequenos produtores de leite, que geralmente possuem menos recursos para investir em procedimentos como avaliação por imagem para mensurar a condição corporal do rebanho”, diz o pesquisador Luiz Pfeifer, da Embrapa de Rondônia, criador da ferramenta. “Com o Vetscore, de valor bastante acessível, os pecuaristas podem acompanhar de perto as mudanças no escore corporal dos animais”. No setor leiteiro, as fêmeas correm maior risco de sofrer alterações de peso importantes em função de acontecimentos como o parto e pós-parto.

O manuseio do instrumento é simples. Basta que seja posicionado corretamente na garupa do animal, seguindo as indicações de uso da ferramenta, e ser lentamente fechado. Se a condição corporal estiver em um nível adequado, o visor do Vetscore ficará na cor verde. Caso esteja abaixo do esperado, a luz vermelha ascende. E, se o animal estiver acima do peso, o visor mostra a cor amarela. “A partir dos resultados obtidos, o produtor pode tomar as medidas necessárias para corrigir rapidamente as eventuais deficiências nutricionais do rebanho e obter maiores ganhos de produtividade”, diz Pfeifer.

Uma das principais vantagens da utilização de ferramentas de medição do escore corporal do rebanho é um aumento da eficiência reprodutiva das fêmeas. A análise das informações coletadas na mensuração corporal em conjunto com dados de manejo do rebanho permite que o produtor modifique a alimentação dos animais para que eles atinjam seu máximo potencial reprodutivo.

Há inda outra vantagem. Quando são adotadas medidas nutricionais adequadas, em geral há um aumento na produção de leite do rebanho, já que as fêmeas podem ter partos em intervalos de tempo menores. Segundo a Embrapa, a média de partos por ano tende a aumentar mais de 20% com o uso de ferramentas como o Vetscore. “Isso significa um rendimento econômico maior para o produtor e, consequentemente, para toda a cadeia produtiva do segmento”, diz Pfeifer.

Veja como funciona:

 

Fonte: Globo Rural